• Sônia Apolinário

Cervejaria Búzios lança a Imperial IPA Bravíssima para comemorar os dez anos da marca

A cervejaria Búzios está completando 10 anos de "praia". Para celebrar, criou o rótulo Bravíssima. Porém, o principal presente da marca é a fábrica que constrói no balneário do Rio de Janeiro que homenageia.

A Bravíssima é uma Imperial Ipa. Foi feita com 10 tipos de maltes, 10 lúpulos diferentes, 10 % de teor alcoólico e 100 IBU - que é 10 X 10. A marca ainda fez questão que a Bravíssima tivesse 10 SRM, que é a escala de padrão de cor da cerveja e, nessa gradação, corresponde a âmbar profundo. Os lúpulos usados foram os norte-americanos: Warrior, Nugget, Summit, Cascade, Columbus, Centennial, Citra, Simcoe, Mosaic e Amarillo.


Faz parte do portfólio da cervejaria a American IPA Brava, com 6,5% de teor alcoólico e 55 IBU. A Imperial IPA Bravíssima foi feita em parceria com o beer somelier, mestre em estilos e técnico cervejeiro Rodrigo Alves.


A Bravíssima fecha a temporada de lançamentos da Búzios, este ano.


"2020 esta sendo um ano peculiar, devido à pandemia, que trouxe desafios e obrigou a todos a serem ainda mais criativos. Parte das vendas migraram das lojas e bares especializados para a internet. Mas, mesmo com todos os desafios, mantivemos nosso planejamento estrutural deste ano, que era a construção da fábrica", comenta Luiz Rodrigues, criador e sócio da cervejaria Búzios.



Fábrica


No bairro Aretê, bem na entrada de Búzios, na Região dos Lagos, é onde está sendo construída a fábrica da marca. A inauguração está prevista para fevereiro de 2021.


Com a marina de um lado e um futuro biergarten voltado para o canal, a fábrica da Búzios vai ocupar 2.100 metros quadrados, que representa 30% do terreno. Inicialmente, vai produzir 25 mil litros por mês. Porém, a capacidade total será de 150 mil litros por mês.


Luiz afirma que tem planos de fazer muitas festas por lá:


"Para 2021 estamos ansiosos para que possamos, o mundo, vencer a pandemia. Estamos também ansiosos para a inauguração da nossa fábrica. No próximo ano, pretendemos, se as circunstâncias permitirem, fazer a edição 2021 da 8Hs Session IPA, com lúpulos brasileiros frescos. Também trabalharemos no lançamento de um novo estilo, no primeiro trimestre. Estamos muito confiantes que 2021 será um ano muito positivo".


Na foto à esquerda, as obras em novembro de 2020; à direita ilustração do projeto quando concluído.



Na live Talk Chopp com a Lupulinário, realizada em setembro passado, Luiz Rodrigues fala mais sobre a fábrica e os planos da marca para 2021.



Leia também:

Lúpulo brasileiro inspira projeto de cerveja feita integralmente com insumos nacionais

Destaques
Últimas

© Todos os direitos reservados Comunic Sônia Apolinário