• Sônia Apolinário

13ª edição do Niterói em Cena apresentará 14 peças, maioria online e gratuita

Com apresentações virtuais e presenciais, a 13ª edição do Niterói em Cena - Mostra Nacional de Teatro” será realizada de 17 a 23 de dezembro. Debates e uma mesa de conversa fazem parte da programação. Serão exibidos 14 espetáculos, em três mostras: Teatro em Casa, Niterói e Palco.


A ‘Mostra Teatro em Casa’ contará com a apresentações de oito peças online, transmitidas ao vivo, pelo canal do Youtube do Niterói em Cena. Os debates após os espetáculos poderão ser acompanhados pela plataforma Zoom.


Na ‘Mostra Niterói’, serão exibidas quatro peças de diferentes grupos teatrais da cidade, gravadas no palco do Teatro Popular Oscar Niemeyer. Os espetáculos poderão ser vistos nas redes sociais e site do Festival.


Já a ‘Mostra Palco’ acompanhará o processo de retomada do teatro, com dois espetáculos presenciais, no Teatro Popular Oscar Niemeyer, nos dias 22 e 23 de dezembro. O Teatro terá a sua capacidade reduzida e os ingressos poderão ser comprados somente online.


A Mesa de Conversa vai colocar em discussão a relevância do Teatro Experimental do Negro. Terá mediação do agitador cultural e professor João Luiz de Souza (João do Corujão) e contará com as participações da antropóloga Elisa Larkin e da atriz e ativista Ilea Ferraz.


Neste ano, o evento recebeu a inscrição de 266 projetos, de diferentes cidades do país e até do exterior. Criado em 2008 pelo produtor cultural Fabio Fortes, o Niterói em Cena já reuniu inúmeros artistas e grupos de todo o país, apresentando sempre um importante panorama teatral. Esta edição homenageia a atriz, diretora e professora Erika Ferreira, artista de grande importância para a cidade e para o festival, vitimada pela COVID-19, em março.



Um debate virtual sobre a atual cena teatral brasileira marca a abertura do evento, na quinta-feira (17), às 20h. Será realizado via Zoon. Para assistir às atividades programadas para acontecer na plataforma, basta entrar no site e fazer a inscrição.


A primeira peça será apresentada na sexta-feira, às 10h. "O Edredon" (foto), do Coletivo Macacos Alados - Niterói/RJ, conta a história de uma criança apaixonada pelo fundo do mar. Cansada de não saber se é menina ou moleque, decide virar peixe. Após perceber que seu desejo não se tornará realidade, se abriga embaixo de um edredom.


Confira a programação completa aqui


Veja as peças aqui





Destaques
Últimas

© Todos os direitos reservados Comunic Sônia Apolinário