• Sônia Apolinário

Dois rótulos sazonais chegam ao mercado para celebrar o Dia Internacional das Mulheres

Duas cervejas sazonais chegaram ao mercado no dia 8 de março, como ações de marketing das marcas para celebrar o Dia Internacional da Mulher. A colaborativa Às Mulheres tem como “diferencial” de ter tido uma produção 100% feminina. Já a Hop Bloom tem dentre seus ingredientes o lúpulo Ella.


Às Mulheres

Se engana quem pensa que cerveja não é “coisa de mulher”. Segundo o relatório Consumer Insights da Kantar, a alta de 127% no consumo nacional de cerveja no terceiro trimestre de 2021, em comparação ao mesmo período de 2020, tem as mulheres como principais contribuintes com o aumento. E elas não estão presentes somente no consumo, mas se fazem presentes na produção.


É neste cenário que “Às Mulheres”, cerveja especial em comemoração ao Mês das Mulheres, chega ao mercado. A bebida é resultado de uma produção 100% feminina promovida pela Ball e cervejarias Masterpiece e Máfia, ambas de Niterói (RJ) – desde a levedura até o envase na lata, passando pela campanha de comunicação e receita exclusiva no estilo Saison desenvolvida pela mestre cervejeira Ingrid Matos.


A ideia para a parceria surgiu no grupo feminino de afinidades da Ball, líder mundial em embalagens sustentáveis de alumínio, que vem trabalhando para aumentar a presença e o papel de mulheres na organização na América do Sul e ampliar conscientização sobre a importância do tema. Para ajudar a ressignificar a bebida culturalmente masculina, a equipe Masterpiece e Máfia foi acionada para a parceria por conta do destaque de mulheres na composição da cervejaria, já que metade da equipe é feminina, além do alinhamento das empresas sobre sustentabilidade.


“O interesse de colocar em prática o projeto é justamente mostrar que as mulheres já chegaram em locais ditos como improváveis da indústria em geral, com em atividades que envolvem trabalho de muita qualidade, técnica e força”, diz Ingrid Matos, Cervejeira da equipe Masterpiece e Máfia.


Às Mulheres tem 8%ABV 25 IBU. De acordo com os produtores, é uma cerveja com alta carbonatação e notas de frutas amarelas como damasco e abacaxi, com condimentos perceptíveis no aroma.


Segundo descoberta recente da historiadora e sommelière britânica Jane Peyton, a cerveja é uma invenção feminina e, até menos de dois séculos atrás, sua produção era uma tarefa destinada a mulheres, com apreciação e consumo delas. É com esse pensamento que a artista Pri Barbosa desenhou o rótulo representando resistência e força feminina, em combinação com a própria cerveja, que tem sabor intenso e delicado.


“É sempre muito bom participar de projetos com equipes majoritariamente de mulheres. Foi bem legal interagir com profissionais de diferentes áreas no intuito de reformular a imagem que é associada à mulher quando se fala de cerveja”, afirma a artista.


E para a criação da lata que serve de tela para a arte exclusiva e de envase para a receita especial, uma equipe formada por cerca 20 mulheres na Ball cuidou de toda a produção da latinha. Na fábrica de Extrema (MG), técnicas, operadoras, analistas, supervisoras, inspetoras, entre demais funções, foram responsáveis pela embalagem – a mais sustentável do mundo – que carrega o produto.


Com isso, ambos os times honram as mulheres levando ao mercado uma cerveja refrescante, dourada e com aroma de frutas amarelas, envasada na embalagem mais amiga do meio ambiente, cuja taxa de reciclagem é de 97,4% no país, e que volta às prateleiras como uma nova lata em até 60 dias.


“A produção da cerveja Às Mulheres teve sua primeira ideia em um dos Ball Networks, grupo de afinidade feminino que conta com 97 mulheres de vários locais do Brasil”, conta Thais Moraes, Diretora de Comunicação e Relacionamento com a Comunidade para a Ball América do Sul.


Além de oferecer sua lata sustentável de alumínio para receber às Mulheres, a Ball liderou esse projeto com as cervejarias por ser uma empresa conectada com o desafio de equidade de gênero no mercado de trabalho. Como um exemplo, em 2021, a empresa iniciou as operações da sua mais recente fábrica aberta, em Frutal (MG), com 75 postos operacionais ocupados por mulheres – 32 deles sendo de alunas de cursos gratuitos promovidos pela própria Ball, somando 48% de presença feminina na planta. No mesmo ano, lançou grupos de afinidade de raça e etnia, LGBTI+ e pessoas com deficiência, além do grupo de mulheres responsável pela ideia da nova cerveja.


A edição especial é limitada e está à venda na loja virtual da Masterpiece e na VADELATA Store, e-commerce da Ball exclusivo para bebidas em lata. Ambos os serviços comerciais são comandados, também, por profissionais mulheres.


Hop Bloom



Produzida pela Goose Island Brewhouse (SP), a Hop Bloom foi elaborada com o lúpulo australiano Ella. Do estilo Hoppy Lager, tem 5,3% de teor alcóolico e 44 IBU. A receita foi criada pela mestre cervejeira Marina Pascholati e, segundo ela, a cerveja possui um aroma cítrico e de frutas tropicais, coloração dourada clara e corpo leve.

“O Dia Internacional das Mulheres relembra que podemos e devemos ter representatividade em todos os lugares. A Marina trouxe uma receita forte, com um aroma delicioso e muito saborosa”, explica Vanessa Nastari, Head de Marketing de Goose Island.

A novidade está disponível no Brewhouse, localizado na Rua Baltazar Carrasco, 187, em Pinheiros, ou por delivery.


Destaques
Últimas