top of page
  • Sônia Apolinário

Canal Brasil comemora 25 anos com sua própria cerveja

O Canal Brasil Brasil completa 25 anos e vai comemorar com cerveja. A Masterpiece, marca de Niterói (RJ), criou rótulos comemorativos em homenagem a programas e filmes produzidos pelo canal. São eles: “Larica Total”, “Dzi Croquetes”, “A Vida Invisível”, “Cine Holliudy”, “Bacurau” e “Choque de Cultura”.



Apesar dos rótulos diferentes, todas as cervejas são Premium Pilsen, estilo que segundo o CEO da Masterpiece, André Valle, é a “alegria do povo”.


- O canal escolheu os títulos e, inicialmente, as cervejas serão usadas para fins promocionais. Porém, futuramente, estarão disponíveis em mercados e e-commerces especializados. Também serão vendidas em cinemas. É possível que outros programas venham a ser homenageados. A ideia é que as pessoas colecionem as latas – informou Valle.


Em julho, a BandNews FM também lançou uma cerveja para comemorar seus 18 anos de rádio.


Programação especial


Além da cerveja, para comemorar seus 25 ano, o Canal Brasil criou uma programação especial que reúne atrações históricos, filmes premiados, grandes shows e maratonas de séries.


Mostra Canal Brasil 25 anos - vai exibir aos sábados e domingos, coproduções de ficção do canal.

Dia 23/09 (sábado)

19h – O Futebol, de Sergio Oksman

20h10 – Los Silencios, de Beatriz Seigner

21h40 – Boi Neon, de Gabriel Mascaro

23h25 – Piedade, de Cláudio Assis

Dia 24/09 (domingo)

19h – Dzi Croquettes, de Tatiana Issa e Raphael Alvarez

20h50 – Alemão 2, de José Eduardo Belmonte

22h40 – Bacurau, de Kleber Mendonça Filho (foto)

0h50 – O Animal Cordial, de Gabriela Amaral Almeida

Dia 30/09 (sábado)

19h – Cinema Novo, de Eryk Rocha

20h35 – Benzinho, de Gustavo Pizzi

22h – A Vida Invisível, de Karim Aïnouz

0h30 – Divino Amor, de Gabriel Mascaro




Prêmio Canal Brasil de Curtas – vai apresentar curtas-metragens premiados. A seleção inclui vencedores do Prêmio Canal Brasil de Curtas (realizado desde 1998 nos principais festivais de cinema do país), escolhidos por júris compostos por jornalistas e críticos de cinema.

26/09 - Bonde (2019) (18'), de Coletivo Gleba do Pêssego - Prêmio Kinoforum

Rota (2021) (6'), de Mariani Ferreira - Prêmio Canal Brasil no Cabíria Festival de 2021


27/09 -Inabitável (2020) (19'), de Matheus Farias Melo e Enock Carvalho Pimentel - Prêmio Festival de Gramado

Sangro (2019) (7’), de Tiago Minamisawa, Bruno Castro e Guto BR - Prêmio Festival de Brasília 2019


28/09 - A Beleza de Rose (2021) (20'), de Natal Portela – Prêmio Festival de Gramado 2021

O Amigo do Meu Tio (2021) (8'), de Renato Turnes – Festival Mix Brasil 2022


29/09 - Quebramar (2020) (26’), de Cris Lyra - Prêmio Festival Curta Cinema 2019



Faixa Documentários - apresenta, de segunda a sexta, a partir das 13h30, produções e coproduções do Canal Brasil que trazem à tona temas relevantes como política, religião, sexo, cultura, esporte, meio-ambiente e etnia.

25/09

Tá Rindo de Quê?, de Claudio Manoel, Álvaro Campos e Alê Braga

Ademã - A Vida e As Notas de Ibrahim Sued, de Paulo Henrique Fontenelle e Isabel Sued Perrin

Médicos Cubanos, de Paulo Markun e Sérgio Roizenblit


26/09

A Luta do Século, de Sérgio Machado

Mangueira Em 2 Tempos, de Ana Maria Magalhães

Torre das Donzelas, de Susanna Lira


27/09

Setenta, de Emilia Silveira

América Armada, de Alice Lanari e Pedro Asbeg

Che, Memórias de Um Ano Secreto, de Margarita Hernandez


28/09

Waldick - Sempre no Meu Coração, de Patrícia Pillar,

Meu Querido Supermercado, de Tali Yankelevich

Cine Marrocos, de Ricardo Calil


29/09

Sociedade do Medo, de Adriana L. Dutra

Revelando Sebastião Salgado, de Betse de Paula


Faixa Retrô – para o público rever programas históricos que tiveram, ao longo dos anos, apresentadores como Fernanda Montenegro, Gilberto Gil, Andreia Horta, Charles Gavin, Lázaro Ramos, Linn da Quebrada, Laerte, Zé do Caixão, Rogéria, Selton Mello, Marisa Orth e até Pedro Bial, que foi o primeiro de todos. Vão ao ar de terça a sexta, às 12h45 e às 21h30.

26/09

12h45 – Estação Roquenrou – Frejat (2017)

21h30 - O Estranho Mundo de Zé do Caixão – Mojica entrevista Inri Cristo (2012)


27/09

12h45 – MPBambas – Gal Costa (2012)

21h30 - A Arte do Encontro – Tony Ramos entrevista Bárbara Paz (2016)


28/09

12h45 – O Papel da Vida – José Wilker (2013)

21h30 - Compositores Unidos - Fagner, Péricles e Convidados (2014)


29/09

12h45 - Lá - Stereo Grand (2015)

21h30 - O Som do Vinil – Charles Gavin fala sobre Elza Soares – Deus É Mulher (2018)



Faixa Musical - ocupa a grade de setembro de terça a sábado, a partir das 8h15.

3/09

Alceu Valença – Valencianas (2014) (80’)

Elba Ramalho em Cordas, Gonzaga e Afins (2015)

Geraldo Azevedo - Uma Geral do Azevedo (2009)


26/09

A Voz da Mulher na Obra de Taiguara (2019)

Chico César - Estado de Poesia (2016)

Moraes Moreira - A História dos Novos Baianos e Outros Versos (2012)


27/09

Macalé (2012)

Elza Soares - Beba-Me (2007)

Seu Jorge - América Brasil (2009)


28/09

Ritchie – Outra Vez ao Vivo no Estúdio (2009)

Dussek É Show! (2011)

Sidney Magal - Bailamos (2017)


29/09

O Tom da Takai – Ao Vivo (2019)

Laila Garin e a Roda (2017)

Tudo se Transformou – (Zizi Possi 2018)

O Sonho, a Vida, a Roda Viva! - MPB4 - 50 anos ao vivo (2017)


30/09

Ira! Folk (2017)

Humberto Gessinger-Insular Ao Vivo (2014)

Paulo Ricardo - Sex on The Beach (2019)

Blitz no Circo Voador (2017)


Maratona de séries

24/09 – Lei da Selva – A História do Jogo do Bicho (04 X 45’), a partir de 15h25

26/09 – Nós (06 X 30’), a partir de 23h55

29/09 – Milton e o Clube da Esquina (06 X 30’), a partir de 18h35

30/09 – Vizinhos (10 X 25’), a partir de 14h



Comments


Destaques
Últimas
bottom of page