• Sônia Apolinário

Depois do Réveillon, Niterói cancela o Carnaval

Apesar da expectativa da prefeitura de Niterói de iniciar a vacinação contra o Covid-19 no próximo dia 20, a cidade não terá Carnaval em 2021. O prefeito Axel Grael informou hoje, dia 14 de janeiro, que, nos próximos dias, essa decisão será “sacramentada” em um decreto a ser publicado.


“Estarão suspensas atividades de blocos e desfiles de carnaval e todas as atividades que produzam aglomeração. Mesmo com a chegada da vacina, neste momento, ainda será preciso manter todos os cuidados e controle necessários para o combate ao coronavírus”, justificou Axel.


Pelo mesmo motivo, no final do ano passado, a prefeitura cancelou e proibiu a realização de festas de Réveillon.


A imunização da população de Niterói está na dependência do plano de ação do Governo Federal. De acordo com a prefeitura, a campanha de vacinação, na cidade, está prevista para começar no dia 20 de janeiro, às 10h. A confirmação da data, porém, ainda depende da aprovação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), que está analisando os pedidos de uso emergencial dos imunizantes, e da chegada, ao Brasil, de doses de vacina já compradas pelo Ministério da Saúde.


Confirmada a data, os primeiros a receberem a vacina serão os profissionais de Saúde e idosos que vivem em instituições de longa permanência, como casas de repouso e abrigos.


Idosos acima de 60 anos serão imunizados na própria instituição onde vivem, em horários agendados, pela equipe de vacinação da Secretaria Municipal de Saúde. A vacinação para profissionais de saúde será feita nas unidades onde eles trabalham, sejam públicas ou particulares. Já os profissionais autônomos deverão procurar uma das 54 salas de vacinação da rede básica mais próxima de sua residência, com o documento de registro profissional.


Com a proibição da compra de vacinas, Niterói entrou no Plano Nacional de Imunização do Governo Federal e aguarda a entrega das doses, ainda sem o quantitativo definido. A promessa do Ministério da Saúde é que as doses serão distribuídas igualmente para os municípios, de forma proporcional à população, sem prioridade para as capitais. Caberá às prefeituras os trabalhos de logística - armazenamento e segurança dos insumos, e sua distribuição nas salas de vacinação. Segundo o prefeito de Niterói, a cidade está preparada para começar a vacinação contra a Covid-19, no dia 20 de janeiro, se a data for confirmada.

Boletim


De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde de Niterói, a cidade registra 25.315 casos confirmados de Covid-19. No momento, 173 pessoas se encontram em isolamento domiciliar sendo acompanhados pela Secretaria. Ocorreram 681 óbitos, na cidade, por conta da doença. O município tem 24.243 pacientes recuperados.


Fonte: Assessoria de Imprensa Prefeitura de Niterói


Destaques
Últimas

© Todos os direitos reservados Comunic Sônia Apolinário