• Sônia Apolinário

Em São Paulo, novo MIS Experience inaugura com exposição sobre Leonardo da Vinci

Em São Paulo, o Museu da Imagem e do Som tem, agora, duas unidades. Cada uma delas acabou de inaugurar exposições. O “tradicional” , no Jardim Europa, apresenta “Musicais no Cinema”; o novo MIS Experience, em Água Branca, exibe “Leonardo da Vinci – 500 anos de um gênio”.

O MIS Experience foi aberto ao público em outubro. Construído em um galpão de 2 mil metros quadrados, com 10 metros de pé direito, ocupa um espaço onde funcionava a antiga marcenaria da TV Cultura. Possui uma área expositiva de 1,7 mil metros quadrados e outros 800 metros quadrados de área de projeção Tem capacidade para receber cerca de mil pessoas, por hora, e contou com um investimento de R$ 8,5 milhões. A proposta é que o local receba “exposições imersivas”.

Inaugura o local a mostra “Leonardo da Vinci – 500 Anos de um Gênio”. O formato leva ao público a oportunidade de interagir de maneira diferente com obras de arte, graças a uma galeria com projeções.

Inventor, artista, cientista, engenheiro, arquiteto, músico, Leonardo da Vinci (Itália,1452- França,1519) é considerado um gênio da humanidade. A exposição é tida como a investigação mais completa e detalhada sobre o trabalho de Da Vinci. Foi criada em parceria com o Museo Leonardo da Vinci, de Roma (Itália).

São 18 áreas temáticas, onde os visitantes terão uma experiência multissensorial com animações gráficas em alta definição, combinadas com um conteúdo multimídia e narrativa em áudio. A mostra permite conhecer o trabalho do homem que lançou as bases para algumas das invenções mais notáveis da sociedade moderna como o helicóptero, o automóvel, o submarino, o paraquedas e a bicicleta.

O público vai poder interagir com cerca 100 obras exclusivas, incluindo máquinas, reproduções em tamanho real, animações e informações a respeito das criações mais notáveis do artista, além de apreciar versões em tela tátil de seus códices.

Um dos destaques é a ala “Segredos de Mona Lisa”, uma análise que revela porquê o quadro se transformou na pintura mais famosa do mundo. O estudo foi realizado no Museu do Louvre (Paris, França), por Pascal Cotte, engenheiro, pesquisador e fotógrafo de obras de arte.

Na fachada do prédio, o muralistas Eduardo Kobra pintou uma Mona Lisa, com nove metros de comprimento. A "musa", por sua vez, pinta com spray um esboço do rosto de Da Vinci. O artista também foi retratado pelo muralista em uma segunda obra.

Já no MIS “tradicional”, entrou em cartaz a exposição “Musicais no Cinema”. Concebida pelo Musée de la Musique - Philharmonie de Paris e inédita na América, a mostra traça um panorama sobre o universo do gênero musical no cinema nacional e internacional desde os primórdios do cinema musicado até o premiado “La La Land” (2016).

A partir de fotografias, vídeos, cartazes, documentos de produção, figurinos e depoimentos, a mostra reúne filmes musicais de diferentes partes do mundo, destacando marcos para o gênero, como “Cantando na chuva” (1952), “Amor, sublime amor” (1961) e “Dançando no escuro” (2000).

A curadoria é do pesquisador N. T. Binh, crítico da revista francesa de cinema Positif, professor de cinema da Universidade de Paris 1 Panthéon-Sorbonne e autor de diversos livros sobre obras de cineastas, além de documentarista.

O jornalista e cineasta Duda Leite fez a adaptação da exposição para o MIS e acrescentou espaços e conteúdos inéditos baseados na cultura brasileira. Ele incluiu, por exemplo, “Assim era a Atlântida”, em referência ao maior estúdio cinematográfico do Brasil do gênero musical, além de uma área que homenageia a atriz e cantora Carmen Miranda.

A mostra ocupa os dois pavimentos expositivos do MIS. O local conta, ainda, com uma extensa programação paralela que envolve mostras de cinema, cursos, workshops, palestras e atividades infantis. Inaugurado em 1970, o MIS possui um acervo de mais de 200 mil itens como fotografias, filmes, vídeos e cartazes.

Serviço

Leonardo da Vinci – 500 Anos de um Gênio Musicais no Cinema

até 01/março, 2020 até 16 de fevereiro de 2020

Terças a domingos, inclusive feriados Terças a sábados – 10h às 20h

das 10h às 20h30 Domingos e feriados – 10h às 19h

Ingresso Ingresso

Terças | Entrada gratuita R$30 (inteira) e R$15 (meia)

Quartas a sextas | R$30 (inteira) e R$15 (meia)

Sábados, domingos e feriados | R$40 (inteira) e R$20 (meia)

MIS Experience:​ Rua Vladimir Herzog, 75 MIS: Avenida Europa, 158

Para comentar, aqui

Destaques
Últimas