Conheça os vencedores do 11º Concurso do Espumante Brasileiro

Seis rótulos receberam a premiação máxima no 11º Concurso do Espumante Brasileiro, realizado, realizado, de 16 a 18 de outubro, pela Associação Brasileira de Enologia (ABE), em Garibaldi (RS). A competição fez parte da programação da Festa do Espumante Brasileiro (Fenachamp). Ao todo, 125 espumantes, de várias regiões do país, foram premiados.

 

O destaque Sabre de Ouro foi dado a seis rótulos, um em cada categoria. A premiação principal foi feita a partir de uma avaliação entre os 14 espumantes que receberam a Grande Medalha de Ouro. São eles:

 

Categoria Espumante Branco Charmat: Aurora Procedências Espumante Brut Chardonnay - Cooperativa Vinícola Aurora

 

Categoria Espumante Branco Tradicional: Franco Italiano Cuvee Espumante Extra Brut - Vinícola Franco Italiano

 

Categoria Espumante Rosé Charmat: Ponto Nero Cult Brut Rosé - Domno do Brasil Ind. e Com. de Bebidas

 

Categoria Espumante Rosé Tradicional: Cave Amadeu Espumante Brut Rosé - Vinícola Geisse

 

Categoria Espumante Moscatel: Courmayeur Espumante Moscatel Rosé - Courmayeur do Brasil Vinhos

 

Categoria Espumante Nature: Valmarino Espumante Nature Sur Lie 2015 - Estabelecimento Vinícola Valmarino

 

Participaram do concurso 89 vinícolas de sete estados brasileiros: Bahia, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo. Foram avaliadas 376 amostras, quantidade 20% maior, em relação ao ano passado. O júri foi formado por 52 especialistas.

 

Os 14 espumantes que conquistaram a Grande Medalha de Ouro superaram os 92 pontos. São eles: Casa Valduga 130 Blanc de Blanc; Casa Valduga 130 Brut; Cave Amadeu Espumante Brut; Chandon Passion; Gazzaro Espumante Moscatel Rosé; Gran Legado Espumante Moscatel; Íride Miolo Espumante Nature 2009; Miolo Cuvée Tradition Espumante Brut Rosé Miolo Millésime Espumante Brut 2015; Perini Método Tradicional Espumante Brut Valmarino & Churchill Espumante Extra Brut 2015; Valmarino Espumante Brut Tradicional - IP Pinto Bandeira 2016; Valmarino Espumante Nature 2013 e Zanotto Espumante Moscatel.

 

Outros 111 rótulos levaram a medalha de Ouro. A produção nacional, atualmente, é de 18 milhões de litros por ano, um crescimento médio de 10%, a cada safra.

 

"Não precisamos mais provar nada a ninguém. O espumante brasileiro é reverenciado no mundo todo pela sua qualidade e diversidade, fruto de muito trabalho dos enólogos, viticultores e vinicultores. Em dois dias, degustamos quase 400 amostras que expressam os diferentes terroirs brasileiros. E para nossa felicidade, comprovamos que a qualidade está presente em cada um desses estados que estiveram representados com amostras. O Brasil dos espumantes é um continente de terroirs e o prazer e orgulho é todo nosso", comentou o presidente da ABE, enólogo Daniel Salvador.

 

                                            Conheça todos os premiados e os jurados

 

 

                                                                   Para comentar, aqui

 

 

 

 

Compartilhe no Facebook
Twitter
Linkedin
Pinterest
Google +
Please reload

Destaques

Ambev e Pratinha se unem em busca de inovação cervejeira

14/11/2019

1/5
Please reload

Últimas
Please reload

© Todos os direitos reservados Comunic Sônia Apolináriosoniapolinario@yahoo.com.br