Cânions do Sul podem se tornar segundo geoparque mundial brasileiro

 

O Brasil vai pleitear junto à Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) que o projeto “Caminhos dos Cânions do Sul” seja reconhecido como geoparque mundial. Situado entre sete municípios de Santa Catarina e Rio Grande do Sul, a região turística possui uma área de 2.830km², que contempla patrimônios geológicos e paisagens de relevância geológica internacional. Além disso, o local abrange ecossistemas de destaque no Brasil e conta com um rico patrimônio cultural, representativo dos diferentes povos que moram naquela região.

 

Ao conceder o título de geoparque, a Unesco zela pela garantia da sustentabilidade, preservação e proteção ambiental dessas áreas, promovendo também o envolvimento dos moradores da região. Na 38ª Conferência Geral da Unesco (2015), os estados membros ratificaram a criação do selo geoparques mundiais, o que mostra a importância acordada pelos governos à gestão dos sítios e paisagens geológicas excepcionais.

 

Atualmente, no Brasil, apenas o Parque Geológico do Araripe, no Ceará, possui a certificação da Unesco. No mundo, há 147 geoparques titulados pela Unesco, em 41 países. O pleito em benefício do projeto Caminhos dos Cânions do Sul será apresentado pelo Brasil em uma reunião prevista para ser realizada, na próxima semana, em Paris (França).

 

Fonte: MTur

 

 

                                                               Para comentar, aqui

 

 

 

Compartilhe no Facebook
Twitter
Linkedin
Pinterest
Google +
Please reload

Destaques

Ambev e Pratinha se unem em busca de inovação cervejeira

14/11/2019

1/5
Please reload

Últimas
Please reload

© Todos os direitos reservados Comunic Sônia Apolináriosoniapolinario@yahoo.com.br