Festival Foto em Pauta ocupa Tiradentes

Os vestígios da mineração em Minas Gerais; a história das hidrelétricas a partir da perspectiva das pessoas atingidas por esses empreendimentos e um  registro fotográfico de várias nações indígenas são alguns dos temas das exposições que integram a programação do  9º Festival de Fotografia de Tiradentes  – Foto em Pauta. O evento toma conta da cidade mineira de hoje (27) a domingo (31) e conta com a participação de integrantes da Sociedade Fluminense de Fotografia cuja sede fica em Niterói (RJ).

 

O evento, que atrai público nacional e internacional, tem como proposta divulgar a produção fotográfica brasileira e fomentar o desenvolvimento da linguagem artística no Brasil. Do seu início até hoje, já reuniu trabalhos de 679 fotógrafos em 74 exposições, além de lançar 115 livros, realizar 114 palestras e 122 cursos e workshops. A edição deste ano recebeu inscrições de mais de 500 autores de todo o país e resultou na montagem de 26 exposições que espalham imagens tanto de profissionais quanto de estudantes por toda a cidade. Serão realizadas 17 palestras, 12 workshops e lançados 25 livros.

 

Denúncia

 

A mineira Júlia Pontés  criou uma série de fotografias aéreas  para mostrar os vestígios da mineração em Minas Gerais e a real extensão e devastação humana, social e ambiental causada por essa exploração econômica, geralmente escondida entre as montanhas que cobrem o estado. A também mineira Marilene Ribeiro exibe o resultado de quatro anos de pesquisa na série "Água Morta", que  conta a história das hidrelétricas a partir da perspectiva das pessoas que são atingidas por esses empreendimentos.

 

A exposição "Ameríndios do Brasil – Fotografias de Renato Soares" traz registros das várias nações indígenas, em um trabalho de resgate, através da imagem, da beleza e da riqueza cultural dos povos que formam a raiz do povo brasileiro. Renato é colaborador de publicações como "Scientific American" e "National Geographic". A exposição retrata mais de 40 etnias, resultado do trabalho do fotógrafo e documentarista, que já dura mais de 25 anos.

 

A Sociedade Fluminense de Fotografia participa do festival com a coletiva “Inside”,  um recorte dos trabalhos desenvolvidos por 16 integrantes do Núcleo de Fotografia Contemporânea da instituição cuja sede fica no centro de Niterói (RJ). Participam do evento os fotógrafos Américo Júnior, Angela Roumillac, Antonio Machado, Antonio Paiva, Cíntia Ferreira, Cláudia Missailidlis, Eliane Heeren, Fabrício Arriaga, Gaston Hauer, Herbert Macário, Hilda Gaspar, Hyrinéa Bornéo, Joanna Kossatz, Mariana Pêgas, Pedro Kossatz e Simone Soares.

 

Tiradentes é um dos primeiros conjuntos urbanísticos e arquitetônicos reconhecidos pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico como Patrimônio Cultural Brasileiro. O Foto em Pauta é realizado em parceria com o Iphan.

 

                                                             Para comentar, aqui

 

 

 

 

Compartilhe no Facebook
Twitter
Linkedin
Pinterest
Google +
Please reload

Destaques

Movimentação suspeita nas votações faz Pão de Açúcar mudar regra da 4ª edição do Festival de Microcervejarias

15/10/2019

1/5
Please reload

Últimas
Please reload

© Todos os direitos reservados Comunic Sônia Apolináriosoniapolinario@yahoo.com.br